Em cartaz no Theatro Municipal de São Paulo, espetáculo ‘O Quebra Nozes’ terá sessão com o recurso de audiodescrição

A Escola de Dança do Theatro Municipal de São Paulo está em cartaz, neste mês de dezembro, com o espetáculo ‘O Quebra Nozes’, escrito pelo compositor russo Piotr Ilitch Tchaikovsky. Especialmente na sessão do sábado dia 8, às 10h, haverá apresentação com o recurso de audiodescrição produzido pela Iguale Comunicação de Acessibilidade.

Descrição da imagem #pracegover: imagem retangular com uma das cenas do espetáculo. No alto da imagem, em letras brancas maiúsculas, está escrito O Quebra Nozes. Logo abaixo, no centro de um palco, há um grupo de bailarinas. São mais de dez, todas de costas. Elas estão na mesma posição. De joelhos e com os braços elevados, cruzando os pulsos acima da cabeça. Elas vestem vestidos brancos. No canto esquerdo da imagem, está escrito Escola de Dança de São Paulo e Fundação Theatro Municipal de São Paulo.

Com a audiodescrição, o espetáculo proporciona autonomia aos espectadores com deficiência visual que terão melhor entendimento do conteúdo não verbal. Segundo o diretor da Iguale, Mauricio Santana, em um espetáculo de dança, como ‘O Quebra Nozes’, por exemplo, a audiodescrição proporciona a imersão ao universo lúdico do tema, trazendo o máximo de detalhes de tudo o que acontece nos atos, para que a pessoa com deficiência visual amplie sua compreensão e também se encante com esse lindo espetáculo.

Sobre o espetáculo
O clássico, transformado em musical narrado, se passa em uma noite de festa natalina, cheia de convidados e presentes, na casa de Clara, que acaba de ganhar um boneco Quebra Nozes. Por acidente, o brinquedo se estraga, mas, em um passe de mágica, o padrinho de Clara transforma o boneco em um soldado que embarca com a menina em uma viagem por um mundo de sonhos e fantasias.

Ficha técnica
Marius Petipa e Lev Ivanov, coreografia
Priscilla Yokoi, direção artística
Thais de Assis, assistente artística
Mavi Chiachietto, coordenação pedagógica
Equipe da Escola de Dança do Theatro Municipal de SP, remontagem
Duração aproximada: 1h30 minutos com 1 intervalo
Classificação indicativa: Livre
Audiodescrição: Iguale Comunicação de Acessibilidade

Agenda

Espetáculo ‘O Quebra Nozes’ com audiodescrição.

Onde: Theatro Municipal de São Paulo

Quando: 8 de dezembro, às 10h

Endereço: Praça Ramos de Azevedo, s/nº

Mais informações: http://theatromunicipal.org.br/programacao/o-quebra-nozes

AUDIODESCRIÇÃO de “O QUEBRA NOZES” no Tetro Alfa

Convite O Quebra Nozes - descrição no final do post

Abrindo caminhos para a audiodescrição brasileira, o Projeto Teatro Acessível, coordenado por Mauricio Santana (Iguale) e Lívia Motta (Ver com Palavras) convidam para esta apresentação de “O Quebra Nozes”, espetáculo que normalmente acontece somente em época de Natal. Não percam!

Descrição do convite do balé “O quebra Nozes” da Cia. Cisne Negro.

O convite é composto pela foto de uma cena do balé, onde a personagem Clara, a protagonista, está sentada em uma cadeira de balanço no centro do palco. Ela está adormecida, segurando nas mãos um soldadinho de brinquedo de calça branca, farda vermelha com detalhes em amarelo e um chapéu também vermelho com um penacho branco. Clara usa um vestido branco e sapatilhas de balé. Em pé e atrás da cadeira está o Rei dos Camundongos, um bailarino usando capa preta e uma enorme cabeça de rato, com uma coroa dourada sobre ela. O fundo da foto é escuro, porém nota-se a presença de uma grande cortina vermelha e alguns pequenos pontos brancos, que lembram flocos de neve ou luzes de Natal. Sobre esta foto, escrito em branco e de cima para baixo estão os letreiros:

No topo: O Teatro Alfa oferece audiodescrição para espectadores com deficiência visual para o tradicional balé de Natal “O Quebra Nozes”. Logo abaixo o logotipo: “Cisne Negro companhia de dança em “O Quebra Nozes”, música de Tchaikovsky.

Mais abaixo e ao lado dos personagens acima descritos estão as informações:

“Sessão com audiodescrição, dia doze de Dezembro, segunda-feira as vinte e uma horas. Duração cento e vinte minutos. Classificação livre”.

Ingressos: inteira, quarenta e cinco reais. Meia-entrada, vinte e dois e cinquenta.

Estarão disponíveis cinquenta fones de audiodescrição nesta data. Favor reservar o fone no ato da compra de ingresso.

Os ingressos podem ser adquiridos na bilheteria do teatro, pelos telefones: 11 5693-4000 e 0300-789-3377, ou pessoalmente.

De segunda a sábado das onze às dezenove horas e domingos das onde às dezessete horas.

No rodapé do convite há uma faixa preta onde estão o logotipo do Teatro Alfa “Arte em todos os sentidos” e o endereço: Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722.

Demais informações:
Telefones da bilheteria: 11 5693-4000 e 0300 789 3377.
www.teatroalfa.com.br
Facebook: teatroalfa.
Twitter: @teatroalfa.

Logo abaixo estão os logotipos da Lei de Incentivo a Cultura e do patrocinador “Banco Alfa”.
Apoio Institucional: Prefeitura do Município de São Paulo – Lei número 10.923/90
Realização: Instituto Alfa de Cultura e Cisne Negro Cia de Dança.
Ministério da Cultura e Governo do Brasil.