Filme “O Shaolin do Sertão” chega aos cinemas com aplicativo acessível MovieReading

A comédia nacional de ação e aventura em pleno sertão cearense já está em cartaz; o filme disponibiliza os recursos acessíveis de LIBRAS, audiodescrição e legendas no app

27 de outubro de 2016 – Já em cartaz nos cinemas, o longa-metragem cearense “O Shaolin do Sertão” garante a acessibilidade de pessoas com deficiência visual e auditiva por intermédio do aplicativo MovieReading.  Para utilizar o app que no Brasil e na América do Sul é de responsabilidade da Iguale Comunicação de Acessibilidade, basta fazer o download no smartphone ou tablet e baixar os arquivos com os recursos que tem interesse em utilizar. A acessibilidade em mais esta obra cinematográfica é resultado da parceria com a ETC Filmes.

Como explica Mauricio Santana, diretor da Iguale, para o filme “O Shaolin do Sertão” estão disponíveis a audiodescrição, a interpretação em libras e as legendas para surdos e ensurdecidos (LSE). Para utilizá-los, é necessário ter um celular ou tablet com fones de ouvido e microfone. “Ao selecionar o arquivo do filme baixado no ambiente do MovieReading, e clicar no botão de comando, automaticamente o app sincroniza a audiodescrição, a LIBRAS ou a legenda ao áudio original. Esta inovação da tecnologia assistiva é algo que veio para mudar o modo como a pessoa com deficiência visual e auditiva assimila o conteúdo das obras audiovisuais e se relaciona com o universo do cinema”, salienta Santana.

Sem necessidade de conexão com a Internet no momento da exibição, o aplicativo e os recursos contidos no app MovieReading, depois de baixados, podem ser utilizados em qualquer lugar. Ou seja, em todas as salas de cinema onde o filme estiver sendo exibido e, posteriormente, em casa ou em qualquer outra plataforma onde venha a ser novamente exibido.

imagem-de-divulgacao-shaolim-do-sertao
A imagem apresenta no topo sobre o fundo azul o título do filme “O Shaolin do Sertão” e abaixo o personagem principal do filme. Ele é careca, usa uma faixa vermelha amarrada na cabeça, tem a mão direita posicionada à frente do peito com a palma virada para a esquerda; o braço esquerdo está direcionado para frente com a mão fechada como um soco. Abaixo há a mensagem sobre fundo amarelo “com acessibilidade através do app MovieReading Brasil”. Em seguida há os símbolos dos recursos de audiodescrição, legendas e LIBRAS – Lingua Brasileira de Sinais e o logotipo do aplicativo MovieReading Brasil com o site www.moviereadingbrasil..com.br

Sobre o filme

Ambientado em Quixadá nos anos 1980, o longa-metragem conta a história de Aluízio Li – Liduíno, interpretado por Edmilson Filho, um aficionado por artes marciais que vive com a cabeça no mundo das lutas de tanto assistir a filmes chineses; o que é motivo de chacotas em sua cidade natal. Neste contexto, Aluízio Li se vê diante de um grande desafio quando o lutador aposentado de vale-tudo Toni Tora Pleura, interpretado por Fábio Goulart, anuncia um tour de desafios aos valentões de várias cidades do interior do Ceará, incluindo Quixadá. O filme é dirigido pelo cineasta Halder Gomes, o mesmo de Cine Holliúdy.

Ficha Técnica

Produzido por Halder Gomes

Roteiro de L.G. Bayão

Escrito por Halder Gomes

Estrelando por Edmilson Filho.

Direção de Halder Gomes
Apresentando Bruna Hamú.

Participação especial de Fafy Siqueira. Com Dedé Santana, Marcos Veras, Falcão, Igor Jansen, Fábio Goulart, Frank Menezes, Cláudio Jaborandy, Haroldo Guimarães e grande elenco.

Gêneros: Comédia e Ação

Estúdio: ATC Entretenimentos

Recursos acessíveis e app: Iguale Comunicação de Acessibilidade via MovieReading, em parceria com a ETC Filmes.

Mais informações

Liliana Liberato

Assessora de Imprensa

Iguale Comunicação de Acessibilidade

imprensa@iguale.com.br

(11) 9 7999-2802

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.